Amigos(as) advogados(as) você já parou para pensar em quais são seus maiores medos na advocacia? Todos nós temos receios, medos, algo que nos atormenta.

O projeto ADVOCACIA DE SUCESSO, que é um treinamento de alta performance, objetiva justamente fazer com que você saiba lidar com suas preocupações e superá-las.

Medo 5

De me achar despreparado(a) para ser um advogado(a) bem sucedido(a)

 

Esse é um medo que muitos advogados possuem, mas que a solução de sua resolução é relativamente simples!

         Se você se sente despreparado só há uma coisa a se fazer: se prepare!

         O direito é algo absolutamente dinâmico, muitas coisas mudam de uma hora para outra e, pior, muitos temas possuem grande divergência jurisprudencial. Logo, você precisa estar absolutamente atualizado com a jurisprudência dos Estados em que atua, do Superior Tribunal de Justiça e do Supremo Tribunal Federal, no mínimo!

         Não estou falando em analisar os informativos. Isso não representa nem 1% do que é julgado! Você tem que sistematizar os temas relacionados à sua área de atuação, fazer uma busca ampla e organizar todo esse material.

         Vou dar um exemplo!

         Estou focando firme na área de servidores públicos. A principal lei é a Lei nº 8.112/1990. O que fiz (além do livro que escrevi) foi organizar, sistematicamente e de acordo com os capítulos da Lei, mais de 10 mil ementas sobre o tema. Assim, as que não compreendo bem, vou ao voto estudá-las melhor.

         É fundamental que você tenha absoluto conhecimento sobre quais temas já foram julgados em Repercussão Geral, ADIn, Repetitivos e todos os outros precedentes vinculantes, sob pena de ajuizar uma ação e tomar, de supetão, uma improcedência liminar do pedido.

         Já com relação à doutrina, você precisa ler os clássicos da sua área de atuação e os tratados – que, em regra, são coletâneas mais antigas, porém absolutamente profundas. Nem argumente que eles estão desatualizados, pois o objetivo é obter base sobre seu tema. Você, como conhecedor do tema, saberá o que não mais está valendo, mas é importante saber o que e por que mudou. Por fim, além dos tratados, você precisa ter um arsenal de livros de sua área sobre temas específicos, especialmente dissertações de mestrado e teses de doutorado, bem como ter acesso a revistas especializadas em sua área.

         Afora o conhecimento jurídico de sua área, reputo fundamental entender muito bem as seguintes disciplinas: Direito Constitucional, Direito Processual Civil e Lei de Introdução ao Direito Pátrio. Aqui, você vai estudar as leis, jurisprudência e doutrina.

         Todavia, é necessário um complemento!

         Garanto que atingirá mais êxito em suas ações se dominar matérias como Teoria Geral do Direito, Lógica Jurídica, Argumentação Jurídica, Hermenêutica etc. Reputo, no mesmo nível da sua disciplina, essas matérias, pois o bom conhecedor delas terá muita facilidade em pegar qualquer tema e saber trabalhar com ele de forma convincente.

SOBRE O AUTOR

Me chamo Alessandro Dantas, tenho 40 (quarenta) anos, me formei há 16 (dezesseis) anos e meu currículo pode se resumir da seguinte forma:

Sou especialista e mestre na área de Direito Público;

Tenho 18 (dezoito) livros publicados ligados ao Direito Administrativo;

Mais de 50 (cinquenta) artigos jurídicos publicados sobre o tema que atuo;

Coordeno, junto com dois outros profissionais de elite, uma coleção de livros jurídicos para uso profissional que terá mais de 50 (cinquenta) volumes;

Já concedi dezenas de entrevistas para diversos segmentos da mídia nacional (seja por rádio, televisão e jornal impresso), muitos facilmente encontrados na internet;

Sou professor de Direito Administrativo da Escola Superior de Advocacia do Estado do Espírito Santo;

Sou professor de Direito Administrativo da Escola Superior do Ministério Público do Estado do Espírito Santo;

Sou professor de Direito Administrativo da Escola Superior da Magistratura do Espírito Santo,

Sou professor de Direito Administrativo de renomados cursos preparatórios nacionais para concursos de carreiras jurídicas;

Fui coordenador e palestrante do Congresso Brasileiro de Concurso Público, do Seminário Avançado de Processo Administrativo Disciplinar e ministro e já ministrei diversas palestras nos maiores congressos sobre gestão pública do País

E, o mais importante, advogo para mais de 2.000 (duas mil) pessoas que são clientes de todos os Estados da Federação e já ganhei muitas causas bem complexas relacionadas à minha área de atuação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.