Amigos(as) advogados(as) você já parou para pensar em quais são seus maiores medos na advocacia? Todos nós temos receios, medos, algo que nos atormenta.

O projeto ADVOCACIA DE SUCESSO, que é um treinamento de alta performance, objetiva justamente fazer com que você saiba lidar com suas preocupações e superá-las.

MEDO 7

De não saber organizar uma equipe de trabalho eficiente que me dê resultados e diminua a quantidade de minhas atribuições.

         Aqui é importante você ficar atento! Além de audácia e criatividade, ser original é tudo.

         Seu escritório é sua base, seu apoio, seu porto seguro da advocacia. Logo, mais do que qualquer lugar, quando falamos em advocacia, sua estrutura tem que estar pronta para atender as demandas que virão.

         Caso haja um aumento súbito de ações e você não esteja com a estrutura preparada, duas coisas podem acontecer: perder prazo ou fazer petições não tão elaboradas como você tem (ou deveria ter) o costume de fazer.

         Então vamos lá! O que um escritório tem de ter no mínimo? Vou responder à pergunta tratando de dois seguimentos imprescindíveis: capital humano e estrutura.

         Quando falo de capital humano, digo (na minha opinião, e assim funciona nosso escritório):

1)      uma secretária;

2)      uma recepcionista;

3)      um administrador;

4)      um analista de TI;

5)      um contador;

6)      advogados; e

7)      estagiários;

Cada um terá seu papel no mundo do escritório, devendo as atribuições ser absolutamente definidas e cumpridas.

         Só um detalhe! Aqui já estou falando de um escritório de médio para grande porte. Se você está começando agora, invista em uma secretária para lhe auxiliar e, de acordo com suas necessidades, absorva esse outro capital humano.

         Dividiria as atribuições da seguinte forma:

Secretária

Atendimento telefônico e inserção das ligações em agenda ou banco de dados de sistema, bem como registro resumido de e-mails gerais recebidos, direcionando-os para o setor competente.

Além disso, a secretária será responsável pela agenda dos principais advogados do escritório.

Recepcionista

Será responsável por receber os clientes que chegam ao seu escritório, acomodando-os no ambiente adequado, servir um café, chá, água etc. O cliente tem que se sentir bem tratado desde o momento em que pisa em seu escritório.

Administrador

O administrador, nos termos que aqui trabalho, é realmente um profissional formado em Administração que será responsável por fazer a administração do escritório sob o ponto de vista da Administração, submetendo seus feitos à diretoria do escritório. Exemplos de atividades do administrador: quantidade de clientes fechados no mês, gasto mensal, faturamento, inadimplência, cobranças, balanços etc.

Analista de TI

Posso dizer que não é comum um escritório ter um analista de TI, mas, para aquele profissional que possui uma mente aberta e quer fazer total uso da tecnologia aplicado ao direito, esse é um investimento imprescindível.

         Tais profissionais, segundo o Código Brasileiro de Ocupações, atuam desenvolvendo e implantando sistemas informatizados, dimensionando requisitos e funcionalidade dos sistemas, especificando sua arquitetura, escolhendo ferramentas de desenvolvimento, especificando programas, codificando aplicativos. Administram ambiente informatizado, prestam suporte técnico ao cliente, elaboram documentação técnica. Estabelecem padrões, coordenam projetos, oferecem soluções para ambientes informatizados e pesquisam tecnologias em informática.

         Veja! Desde a criação de um site até (com o crescimento do escritório) a de uma plataforma para o cliente, esse profissional é fundamental.

         Hoje, como advogamos para clientes do Brasil inteiro, muitos dos quais não conhecemos, tivemos que desenvolver uma plataforma personalizada para que o ele pudesse ter acesso ao seu processo, bem como contato com o escritório de uma forma mais eficaz. Mais para a frente, o sistema será apresentado para você, leitor!

Advogados

Figura mais importante do escritório, o advogado é o responsável por atender os clientes, fechar os contratos, elaborar as teses, criar as estratégias, confeccionar as peças processuais, fazer as audiências e sustentações orais etc.

Estagiários

Um bom estagiário é importante para trabalhos de auxílio ao advogado, como pesquisa, organização de material, confecção de minutas supervisionadas etc.

SOBRE O AUTOR

Me chamo Alessandro Dantas, tenho 40 (quarenta) anos, me formei há 16 (dezesseis) anos e meu currículo pode se resumir da seguinte forma:

Sou especialista e mestre na área de Direito Público;

Tenho 18 (dezoito) livros publicados ligados ao Direito Administrativo;

Mais de 50 (cinquenta) artigos jurídicos publicados sobre o tema que atuo;

Coordeno, junto com dois outros profissionais de elite, uma coleção de livros jurídicos para uso profissional que terá mais de 50 (cinquenta) volumes;

Já concedi dezenas de entrevistas para diversos segmentos da mídia nacional (seja por rádio, televisão e jornal impresso), muitos facilmente encontrados na internet;

Sou professor de Direito Administrativo da Escola Superior de Advocacia do Estado do Espírito Santo;

Sou professor de Direito Administrativo da Escola Superior do Ministério Público do Estado do Espírito Santo;

Sou professor de Direito Administrativo da Escola Superior da Magistratura do Espírito Santo,

Sou professor de Direito Administrativo de renomados cursos preparatórios nacionais para concursos de carreiras jurídicas;

Fui coordenador e palestrante do Congresso Brasileiro de Concurso Público, do Seminário Avançado de Processo Administrativo Disciplinar e ministro e já ministrei diversas palestras nos maiores congressos sobre gestão pública do País

E, o mais importante, advogo para mais de 2.000 (duas mil) pessoas que são clientes de todos os Estados da Federação e já ganhei muitas causas bem complexas relacionadas à minha área de atuação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.